Agenda Cultural

Feb
19
Mon
Exposição | “Onde voam os vaga-lumes: desenho a lápis, aquarela e aguadas de nanquim de MC Coelho” @Hall do Auditório | Biblioteca Universitária - BU
Feb 19@8:00 – Mar 29@18:00

A Biblioteca Central da UFSC recebe de 19 de fevereiro a 29 de março, no Hall do Auditório, a exposição “Onde voam os vaga-lumes: desenho a lápis, aquarela e aguadas de nanquim de MC Coelho” do artista Mário Coelho.

A exposição tem como objeto apresentar os quadros como as páginas de um livro, contando uma história dividida em cinco capítulos. As imagens que podem resumir esta história numa possível sequência mostram o burburinho das águas, uma flor comum, o coração da mata, um espinheiro ao entardecer, e a chegada dos vaga-lumes.

As técnicas utilizadas foram de desenho com lápis aquarelável, aguado com nanquim. As obras são, na maior parte, do início do ano 2021, desenhadas com o artista sozinho, no meio da vegetação do Sertão do Córrego Grande. Segundo Mário Coelho, “foi um lugar contemplativo que permitiu muita reflexão”.

>> Serviço

O quê: exposição “Onde voam os vaga-lumes: desenho a lápis, aquarela e aguadas de nanquim de MC Coelho”
Quando: 19/02 até 29/03/2024
Onde: Hall do Auditório | Biblioteca Universitária (BU) | UFSC
Quanto: gratuito e aberto a comunidade
Informações: site da Biblioteca | @bu.ufsc

Texto: Agecom/UFSC

Feb
26
Mon
Inscrições | Projeto 12:30
Feb 26@8:00 – May 20@18:00

Estão abertas as inscrições para as bandas e artistas interessados em participar das atividades do Projeto 12:30 em 2024. A partir da primeira semana do ano letivo, serão realizadas, quinzenalmente, apresentações musicais no campus da UFSC na Trindade, com previsão de alguns shows a serem realizados também no Centro de Ciências Agrárias (CCA), no bairro Itacorubi, em Florianópolis.

Para participar, os interessados devem preencher o formulário de inscrição online, com o envio de informações básicas sobre o artista e/ou integrantes da banda, release, fotos em alta resolução e dados técnicos, como rider e mapa de palco. O período de inscrições é de 26 de fevereiro a 20 de maio de 2024.

Sobre o Projeto 12:30

Em atividade permanente desde 1993, é um projeto cultural realizado pelo Departamento Artístico Cultural (DAC) da Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O Projeto 12:30 realiza, quinzenalmente, às quartas-feiras, apresentações musicais gratuitas junto à Praça da Cidadania, no campus Trindade da UFSC, em Florianópolis. Os shows iniciam sempre às 12h30 e têm duração de uma hora.

Todos os detalhes da programação do Projeto 12:30 são divulgados no site do DAC, no Instagram do Projeto 12:30 (@projeto1230.ufsc). A gravação das apresentações fica disponível no Canal do YouTube do Projeto 12:30.

>> Serviço

O quê: Inscrições para apresentações musicais do Projeto 12:30
Quando: até 20/05/2024
Onde: no formulário de inscrição – acesse aqui
Quanto: gratuito
Contato:
WhastApp do Projeto 12:30: (48) 3721-2497

Mais sobre o Projeto 12:30: dac.ufsc.br@projeto1230.ufscyoutube.com/Projeto1230UFSC

Texto: Coordenação do Projeto 12:30/DAC/SeCArtE/UFSC.

Mar
3
Sun
Dia de Gratuidade | Fortalezas da Ilha de Santa Catarina
Mar 3@8:30 – 18:30

Fortaleza de São José da Ponta Grossa. Foto: divulgação CFISC/SeCArtE.

Inicia no próximo domingo, 03 de março, a temporada 2024 do Dia de Gratuidade das Fortalezas da Ilha de Santa Catarina. Nessa data as fortalezas de Santa Cruz de Anhatomirim, Santo Antônio de Ratones e São José da Ponta Grossa estarão com acesso gratuito para toda a comunidade. A ação é promovida pela Coordenadoria das Fortalezas da Ilha de Santa Catarina (CFISC), vinculada à Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que administra as três fortificações.

O Dia de Gratuidade foi instituído em 2017, realizado sempre no primeiro domingo de cada mês de março a novembro, visa facilitar a visitação para a comunidade, além de incentivar o contato com a história local. A UFSC, no entanto, não é responsável pelo traslado de barco para visita às fortalezas que ficam em ilhas (Santa Cruz de Anhatomirim e Santo Antônio de Ratones) –  (clique aqui para saber mais sobre o transporte marítimo). A Fortaleza de São José da Ponta Grossa tem acesso por terra. Nos outros dias, que não os domingos de acesso livre, os ingressos custam R$ 16,00 (inteiro) e R$ 8,00 (meia-entrada). Pessoas com mais de 60 anos e crianças de até cinco anos não pagam em qualquer dia, (para mais informações sobre às taxas de visitação das fortalezas e isenções clique aqui).

As fortificações estão abertas a partir das 8h30min (para mais informações sobre o horário de funcionamento clique aqui). Para visitar as fortalezas, não é necessário agendamento ou inscrição em lista de presença, basta chegar.

É importante destacar que a isenção da cobrança do ingresso não altera as regras de uso do patrimônio histórico. Dessa forma, não são permitidos eventos – ensaios fotográficos ou outros – sem autorização prévia da universidade.

Fortalezas da UFSC 

As fortalezas encontram-se abertas à visitação pública para a realização de atividades de turismo, educação, cultura e lazer. Nelas são também desenvolvidas ações de ensino, pesquisa, extensão da UFSC.

Dicas para o Dia de Gratuidade

  • Vá de calçados leves e roupa confortável, afinal as fortalezas são um passeio ao ar livre.
  • Fique à vontade para levar cangas ou toalhas.
  • São permitidos piqueniques, mas não deixe lixo para trás.
  • Não leve seu animal de estimação. Para preservação do patrimônio histórico, não são permitidos pets nas fortalezas.
  • Idosos ou pessoas com dificuldade de mobilidade podem ter mais dificuldade para andar nas fortalezas, que ainda conservam rampas de pedras e grandes escadarias.
  • Ensaios fotográficos são considerados eventos que precisam de autorização da universidade. Saiba aqui como fazer seu ensaio nas fortalezas.

 >> Serviço

Quê: Dia de Gratuidade – Fortalezas da UFSC
Quando: 03/03/2023 | domingo | das 8h30min às 18h30min
Onde: Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim – localizada na ilha de Anhatomirim na Baía Norte da Ilha de Santa Catarina – Governador Celso Ramos – SC | Fortaleza de Santo Antônio de Ratones – localizada na ilha de Ratones Grande na Baía Norte da Ilha de Santa Catarina – Florianópolis – SC  | Fortaleza de São José da Ponta Grossa – localizada na Praia do Forte – Florianópolis – SC
Transporte: é necessário pegar barco, serviço não fornecido pela Universidade (clique aqui para saber mais)
Mais informações: Coordenadoria das Fortalezas da Ilha de Santa Catarina | fortalezas.ufsc.br | (48) 3721-8302

Mar
8
Fri
Ingressos cortesia | “Ao Arrepio da Lei” com Chico César e Zeca Baleiro @Centro de Cultura e Eventos da UFSC
Mar 8@8:00 – 12:00

Zeca Baleiro e Chico César. Foto: Vange Miliet

O Departamento de Cultura e Eventos (Dceven) vinculado à Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), comunica que serão disponibilizados na sexta-feira, 08 de março, a partir das 8h, no balcão de informações, piso térreo do Centro de Cultura e Eventos, 100 (cem) ingressos cortesia para estudantes da UFSC, referente ao espetáculo musical Ao Arrepio da Lei com Chico César e Zeca Baleiro. A apresentação está prevista para ocorrer no dia 09 de março, sábado, às 21h no Auditório Garapuvu do Centro de Cultura e Eventos – Reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo.

Os ingressos serão concedidos mediante entrega do atestado de matrícula impresso e atualizado (1º semestre/2024), constando que o aluno está regularmente matriculado e apresentação de documento oficial com foto. Serão disponibilizados 100 (cem) ingressos. As entradas serão distribuídas por ordem de chegada. Cada estudante tem direito a retirar 1 (um) ingresso. Não será permitida a retirada de ingresso com documentação de terceiros.

Os shows pagos não são produzidos pela UFSC, havendo apenas a cobrança do aluguel referente ao espaço. A contrapartida para a UFSC se dá pela liberação dos 100 (cem) ingressos aos estudantes e da integralidade do valor do aluguel do auditório que vem a ser utilizado em projetos culturais e manutenção do Centro de Cultura e Eventos, conforme consta no Edital nº002/SECARTE/2024 – Espaço Vivo.

Informações: Departamento de Cultura e Eventos – Dceven – (48) 3721-3850

Espetáculo | Pacacoenco nos lugares onde o povo está @Centro de Cultura e Eventos da UFSC
Mar 8@9:30 – 21:30

Os espetáculos Pacacoenco, Palhastê e Só eu e nós, apresentados pelo artista Charles Augusto estão circulando pelas cidades de Joaçaba, Lages, Criciúma, Blumenau, Joinville, Florianópolis e Itajaí. As apresentações integram a 2ª edição do projeto “Pacacoenco nos lugares onde o povo está”.

O fechamento da turnê será em Florianópolis na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que receberá além dos espetáculos do palhaço Pacacoenco, as apresentações: Arreda Boi, A Gala dos (A)Gentes do Riso, a banda Tarrafa Elétrica, a contação de história “Um nascimento do boi de mamão”.

Os espetáculos serão gratuitos e prometem fazer o público rir, refletir, emocionar-se com o fazer democrático de acesso à arte de qualidade. Este é o objetivo do projeto em circulação. Importante ressaltar que todas as sessões dos espetáculos terão intérpretes de Libras e as sessões em Florianópolis terão audiodescrição. A classificação indicativa é livre.

>> Programação em Florianópolis

08/03 | sexta-feira

> Centro de Cultura e Eventos da UFSC
9h30 | Um nascimento do boi de mamão
10h | Pacacoenco
14H | Só eu e nós
20h30 | Tarrafa Elétrica

>> Sobre os espetáculos

Um nascimento do boi de mamão

Essa contação/brincadeira traz ao público uma das versões sobre o nascimento do boi de mamão. Coletado por Nado Gonçalves com um grande mestre de boi, seu Zé Benta. Uma versão que apresenta a brincadeira do boi como resolução de conflitos e sociabilidade. O artista Charles Augusto traz para o público essa história singeleza e ao final da contação, uma pequena brincadeira de boi com as pessoas presentes.

Pacacoenco

Charles Augusto. Foto: divulgação.

Aí está a essência do artista. Levar sua arte a qualquer lugar onde alguém esteja disposto a apreciá-la. Pacacoenco, na companhia da sua amiga Jaguaruna, desbrava o interior da geografia mundial e do coração humano. As estradas são percorridas a pedaladas, e, na bagagem, o palhaço leva seus truques, sua casa e seu amor. Afinal, “..a poesia indica que as eras do universo passam e o homem que ama fica.” (Quirino)

Só eu e nós

Pacacoenco segue seus dias fazendo arte na rua, trazendo seu mundo encantado para a rotina cinza das cidades. Um dia este ser solitário encontra um cão abandonado. O que pode acontecer do encontro de um palhaço, um cachorro e uma calça?

Tarrafa Elétrica

A banda de Itajaí-SC mistura ritmos tradicionais e modernos em uma estética diferenciada, levantando a bandeira da arte como ferramenta para a transformação social. Musicalmente propõe uma mistura sonora que circula livremente entre o passado e o presente. Boi de mamão com rap, viola caipira com rock e por aí vai, não existem limites ou rótulos para a proposta sonora do grupo. Com todos estes elementos e uma identidade ímpar o show do Tarrafa Elétrica é um convite à alegria, interagindo diretamente com o público e fazendo de cada espectador um membro efetivo da apresentação.

>> Sobre Charles Augusto

Foto: Alessandra Mello

Charles Augusto é um artista brasileiro residente em Florianópolis/SC, atua na arte desde 2002. Nesse ínterim percorreu várias cidades do Brasil e todas as regiões do estado de Santa Catarina até seu interior mais profundo. Apresentou em festivais de renome, circulações artisticas, intercâmbios e produções independentes. Além da atuação, também realiza formações em palhaçaria e artes cênicas em geral e preparação de elenco para audiovisual. Sua produção de espetáculos cênicos implica em parcerias com diversas pessoas do mundo artístico que em conjunto construíram e constroem o repertório do artista, com destaque para os espetáculos: Só eu e nós, Palhasté e Pacacoenco.

A circulação “Pacacoenco nos lugares onde o povo está – edição 2” é um projeto cultural realizado por Charles Augusto, por meio do Programa de Incentivo à Cultura, (PIC), do Governo do Estado de Santa Catarina, aprovado pela Fundação Catarinense de Cultura. Conta com o incentivo da CELESC, com o apoio de Secretaria de Cultura, Arte e Espore da UFSC (SeCArtE).

>> Serviço

O quê: “Pacacoenco nos lugares onde o povo está”
Quando: 08, 09 e 11/03/2024
Onde: Centro de Cultura e Eventos – UFSC | Praça da Cidadania – UFSC | Praça Santos Dumont
Quanto: gratuito e aborto para toda comunidade
Classificação: livre
Informações: charlesaugusto.art.br | instagram.com/charlesaugusto_pacacoenco

Texto: divulgação SeCArtE, com informações da produção do evento.

Mar
9
Sat
Espetáculo | Pacacoenco nos lugares onde o povo está @Praça Santos Dumont
Mar 9@19:00 – 20:00

Os espetáculos Pacacoenco, Palhastê e Só eu e nós, apresentados pelo artista Charles Augusto estão circulando pelas cidades de Joaçaba, Lages, Criciúma, Blumenau, Joinville, Florianópolis e Itajaí. As apresentações integram a 2ª edição do projeto “Pacacoenco nos lugares onde o povo está”.

O fechamento da turnê será em Florianópolis na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que receberá além dos espetáculos do palhaço Pacacoenco, as apresentações: Arreda Boi, A Gala dos (A)Gentes do Riso, a banda Tarrafa Elétrica, a contação de história “Um nascimento do boi de mamão”.

Os espetáculos serão gratuitos e prometem fazer o público rir, refletir, emocionar-se com o fazer democrático de acesso à arte de qualidade. Este é o objetivo do projeto em circulação. Importante ressaltar que todas as sessões dos espetáculos terão intérpretes de Libras e as sessões em Florianópolis terão audiodescrição. A classificação indicativa é livre.

>> Sobre o espetáculo

Palhastê

Charles Augusto. Foto: divulgação.

Pacacoenco encontra a oportunidade certa para estar com o público quando substitui um famoso guru e oferece sua própria visão do autoconhecimento transcendental. Para isso, ele cria a Filosofia “Palhastê”, que já tem 1450 anos – ou segundos – de tradição, com mantras risíveis e momentos de pura magia, fantasia, poesia, alegoria, alegria, padaria, eubemquequeria, boêmia, correria, calmaria, bruxaria, bobearia, anistia, cantoria, academia, filosofia, charlatania, biologia, arritmia, apologia, anatomia, analogia, amigaria, alquimia, alforria, curadoria, confraria, cacofonia, autonomia e até palhaçaria.

>> Sobre Charles Augusto

Foto: Alessandra Mello

Charles Augusto é um artista brasileiro residente em Florianópolis/SC, atua na arte desde 2002. Nesse ínterim percorreu várias cidades do Brasil e todas as regiões do estado de Santa Catarina até seu interior mais profundo. Apresentou em festivais de renome, circulações artisticas, intercâmbios e produções independentes. Além da atuação, também realiza formações em palhaçaria e artes cênicas em geral e preparação de elenco para audiovisual. Sua produção de espetáculos cênicos implica em parcerias com diversas pessoas do mundo artístico que em conjunto construíram e constroem o repertório do artista, com destaque para os espetáculos: Só eu e nós, Palhasté e Pacacoenco.

A circulação “Pacacoenco nos lugares onde o povo está – edição 2” é um projeto cultural realizado por Charles Augusto, por meio do Programa de Incentivo à Cultura, (PIC), do Governo do Estado de Santa Catarina, aprovado pela Fundação Catarinense de Cultura. Conta com o incentivo da CELESC, com o apoio de Secretaria de Cultura, Arte e Espore da UFSC (SeCArtE).

>> Serviço

O quê: “Pacacoenco nos lugares onde o povo está”
Quando: 08, 09 e 11/03/2024
Onde: Centro de Cultura e Eventos – UFSC | Praça da Cidadania – UFSC | Praça Santos Dumont
Quanto: gratuito e aborto para toda comunidade
Classificação: livre
Informações: charlesaugusto.art.br | instagram.com/charlesaugusto_pacacoenco

Texto: divulgação SeCArtE, com informações da produção do evento.

Mar
11
Mon
Inscrições | Práticas Corporais @Antiga Associação dos Servidores/Volantes
Mar 11@8:00 – Mar 29@18:00

O Departamento de Esporte, Cultura e Lazer (DECL), vinculado à Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE) da  Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), prorrogou até o dia 29 de março as inscrições para as atividades de Práticas Corporais, que serão oferecidas durante o semestre letivo de 2024.1, no Núcleo de Integração Multicultural Popular Esportivo (NIMPE).

>> Atividades oferecidas

A ação oferece atividades gratuitas de: Bocha, Teatro, Biodanza, Caminhada, Yoga, Percussão, Capoeira e Danças Circulares Sagradas. As atividades serão realizadas na Antiga Associação dos Servidores/Volantes, na Rua Desembargador Vitor Lima, 193 – em frente a Reitoria II da UFSC. As Inscrições estão disponíveis somente por meio do formulário digital.Todas as atividades serão desenvolvidas por professores, instrutores especializados e/ou acadêmicos bolsistas sob orientação de docentes da Universidade.

As atividades de práticas corporais tem o objetivo de auxiliar a Reitoria no desenvolvimento de ações institucionais voltadas à prática do esporte universitário, à integração da comunidade interna e externa à universidade no que tange à educação integral, à promoção da saúde e à vivência dos conteúdos culturais do lazer, de modo a contribuir para a construção de uma universidade pública, democrática, atuante, mais saudável e feliz.

>> Serviço

O quê: Inscrições – Atividades de Práticas Corporais
Quando: até 29/03/2024
Onde: Antiga Associação dos Servidores/Volantes | Rua Desembargador Vitor Lima, 193 – em frente a Reitoria II da UFSC
Quanto: gratuito para comunidade interna e externa à Universidade
Classificação: a partir de 15 anos
Inscrições: no formulário digital
Informações: e-mail: caa.de.secarte@contato.ufsc.br ou no Instagram: @decl.secarte

Espetáculo | Pacacoenco nos lugares onde o povo está @Centro de Cultura e Eventos da UFSC e Praça da Cidadania da UFSC
Mar 11@9:30 – 15:00

Os espetáculos Pacacoenco, Palhastê e Só eu e nós, apresentados pelo artista Charles Augusto estão circulando pelas cidades de Joaçaba, Lages, Criciúma, Blumenau, Joinville, Florianópolis e Itajaí. As apresentações integram a 2ª edição do projeto “Pacacoenco nos lugares onde o povo está”.

O fechamento da turnê será em Florianópolis na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que receberá além dos espetáculos do palhaço Pacacoenco, as apresentações: Arreda Boi, A Gala dos (A)Gentes do Riso, a banda Tarrafa Elétrica, a contação de história “Um nascimento do boi de mamão”.

Os espetáculos serão gratuitos e prometem fazer o público rir, refletir, emocionar-se com o fazer democrático de acesso à arte de qualidade. Este é o objetivo do projeto em circulação. Importante ressaltar que todas as sessões dos espetáculos terão intérpretes de Libras e as sessões em Florianópolis terão audiodescrição. A classificação indicativa é livre.

> Centro de Cultura e Eventos da UFSC
9h30 | Gala dos (A)Gentes do Riso
> Praça da Cidadania da UFSC
12h30 | Arreda Boi
> Centro de Cultura e Eventos da UFSC
14h | Gala dos (A)Gentes do Riso

>> Sobre os espetáculos

Gala dos (A)Gentes do Riso

Numa noite especial, (A)Gentes se juntam para tratar de algo muito importante no mundo, a alegria. Nesse encontro, brincam e partilham histórias. Quando você pensa em um hospital, o que vem à cabeça? (A)Gente lembra do que está bem, do que pulsa, de tudo aquilo que carregamos dentro e que escapa pela boca como riso…

Arreda Boi

A Associação Cultural Arreda Boi surgiu na década de 1990 na comunidade da Barra da Lagoa, em Florianópolis/SC, reunindo pessoas de diferentes gerações, de crianças a idosos, interessados na brincadeira do boi de mamão, prática cultural local. Desde então, em 32 anos de história, o Arreda Boi se tornou uma das referências de cultura popular na cidade de Florianópolis, se envolvendo em projetos de diferentes áreas.

>> Sobre Charles Augusto

Foto: Alessandra Mello

Charles Augusto é um artista brasileiro residente em Florianópolis/SC, atua na arte desde 2002. Nesse ínterim percorreu várias cidades do Brasil e todas as regiões do estado de Santa Catarina até seu interior mais profundo. Apresentou em festivais de renome, circulações artisticas, intercâmbios e produções independentes. Além da atuação, também realiza formações em palhaçaria e artes cênicas em geral e preparação de elenco para audiovisual. Sua produção de espetáculos cênicos implica em parcerias com diversas pessoas do mundo artístico que em conjunto construíram e constroem o repertório do artista, com destaque para os espetáculos: Só eu e nós, Palhasté e Pacacoenco.

A circulação “Pacacoenco nos lugares onde o povo está – edição 2” é um projeto cultural realizado por Charles Augusto, por meio do Programa de Incentivo à Cultura, (PIC), do Governo do Estado de Santa Catarina, aprovado pela Fundação Catarinense de Cultura. Conta com o incentivo da CELESC, com o apoio de Secretaria de Cultura, Arte e Espore da UFSC (SeCArtE).

>> Serviço

O quê: “Pacacoenco nos lugares onde o povo está”
Quando: 08, 09 e 11/03/2024
Onde: Centro de Cultura e Eventos – UFSC | Praça da Cidadania – UFSC | Praça Santos Dumont
Quanto: gratuito e aborto para toda comunidade
Classificação: livre
Informações: charlesaugusto.art.br | instagram.com/charlesaugusto_pacacoenco

Texto: divulgação SeCArtE, com informações da produção do evento.

Mar
13
Wed
Oficina performance com os Sapatos Vermelhos: poéticas da resistência no combate à violência contra as mulheres! @Praça da Cidadania
Mar 13@10:30 – 12:30

Com intuito de denunciar a violência contra às mulheres no Estado de Santa Catarina, a atriz, professora e pesquisadora, Adriana Rio, aparentará na Praça da Cidadania da UFSC, às 10h30, na próxima quarta-feira, 13 de março, a oficina e instalação artística intitulada Oficina performance com os Sapatos Vermelhos: poéticas da resistência no combate à violência contra as mulheres!.

Gratuita e aberta para toda comunidade, a atividade consiste em uma construção coletiva a partir da metodologia de uma oficina de pintura de sapatos femininos, como símbolo para denunciar a violência contra às mulheres em Santa Catarina, tendo como referência de dados o Observatório da Violência Contra a Mulher da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc). A ação também realizará uma performance para compor a instalação como divulgação do processo de trabalho e criação artística.

>> Sobre Adriana Rio

Adriana Rio em cena durante o espetáculo. “Conta Catarina”. Foto: Robson Ribeiro/Secom/UFSC

Professora, pesquisadora que atua na formação de professoras na educação básica, desde 2013 vem desenvolvendo a performance dos Sapatinhos Vermelhos, livremente inspirada no trabalho artístico Sapatos Rojos (México, Elina Chauvet, 2009) e desde 2018 vem incorporando as artes da palhaçaria como referências para o trabalho poético e político no combate à violência contra às mulheres.

A atividade é uma realização da Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

>> Serviço

O quê: Oficina performance com os Sapatos Vermelhos: poéticas da resistência no combate à violência contra as mulheres!
Quando: 13/03/2024 | quarta-feira | 10h30
Onde: Praça da Cidadania – UFSC
Duração: 120min
Classificação indicativa: livre
Informações: 48 99819-2762 | @rio.adriana | rio.adrianas@gmail.com

Projeto 12:30 | show do músico Marcondes @Praça da Cidadania
Mar 13@12:30 – 13:30

Na quarta-feira, dia 13 de março, o palco do Projeto 12:30 recebe o show do músico Marcondes. A apresentação tem início às 12h30. A atividade é gratuita, aberta à comunidade e acontece na Praça da Cidadania da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), no campus da Trindade em Florianópolis.

Marcondes

O cantor e compositor Marcondes nasceu no Rio Grande do Sul e começou sua carreira se apresentando nas casas de show pelo estado e sul do Brasil. O músico Marcondes, cantor e compositor é a cara de Floripa e da nova geração da música.

Criativo, com um timbre marcante e rasgado, ele transita da bossa nova ao rock com uma harmonia musical que impressiona. Versatilidade é realmente a cara do seu repertório, que tem levadas de funk, soul e samba. Com dois discos na carreira autoral, o ano de 2024 marca o lançamento de um novo trabalho do artista.

A discografia começou em 2010 com a gravação do primeiro disco autoral “Marcondes e a Função”, gravado inicialmente em Porto Alegre – com a produção de Guga Munhoz e finalizado no Estúdio Na Mata, em Florianópolis, com a parceria de Jeco Thompson, John Bala Jones e o artista plástico Paulo Gouveia que assinou a capa do disco.

Em 2019, gravou o EP “Vento Mágico”, com a produção de Neto Fernandes que rendeu uma turnê pelo leste europeu no mesmo ano. Para este ano, o artista prepara um novo lançamento com canções inéditas.

Músicos Acompanhantes

Carlos Bender (baixista) – Músico instrumentista e produtor musical, morando na ilha há 15 anos e trabalhando com vários artistas – tanto na área de produção como em shows e gravações. Trabalha com artistas reconhecidos no cenário catarinense e gaúcho, como Gazu (ex-vocalista do Dazaranha) e Rafa Machado (ex-vocalista da Chimarruts). Também, acompanhando projetos autorais com Marcondes e Michel de Moraes, entre outros. Proprietário do Studio Music Space.

Carlo Abreu (baterista) – O renomado baterista e produtor artístico, Carlo Abreu, é uma figura central na efervescência musical do litoral catarinense e além. Com uma habilidade excepcional e uma paixão inegável pela música, Abreu tem sido um colaborador valioso em uma variedade de projetos musicais, tanto dentro como fora do estado.

Atualmente, Carlo Abreu tem sido uma peça fundamental em várias gravações no estado, adicionando sua expertise e talento a uma variedade de projetos musicais. Seja no estúdio de gravação ou no palco, sua presença eleva o nível de qualquer projeto musical, enriquecendo-o com sua energia contagiante e sua habilidade excepcional na bateria.

Fernando Pereira (guitarrista) – Guitarrista e fundador da banda John Bala Jones, desde 1998. Também acompanhou vários artistas e fez inúmeros trabalhos pela noite de Santa Catarina. Já tocou com Gazu (ex-vocalista do Dazaranha), Moriel Costa, entre outros artistas. Em 2019, assumiu também a função de guitarrista solo da banda Uniclas de Porto Belo, e há dois anos acompanha o cantor e compositor Marcondes.

Sobre o Projeto 12:30

Em atividade permanente desde 1993, é um projeto cultural realizado pelo Departamento Artístico Cultural (DAC) da Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE), da UFSC. O Projeto 12:30 realiza, quinzenalmente, às quartas-feiras, apresentações musicais gratuitas junto à Praça da Cidadania, no campus Trindade da UFSC, em Florianópolis. Os shows iniciam sempre às 12h30 e têm duração de uma hora.

Todos os detalhes da programação do Projeto 12:30 são divulgados no site do DAC, no Instagram do Projeto 12:30 (@projeto1230.ufsc). A gravação das apresentações fica disponível no Canal do YouTube do Projeto 12:30.

>> Serviço

O quê: Apresentação musical com Marcondes
Quando: 13/03/2024 | 12h30
Onde: Praça da Cidadania – UFSC  | em frente ao prédio da Reitoria I
Quanto: Gratuito
Contato: projeto1230@contato.ufsc.br | WhastApp  (48) 3721-2497

Mais sobre o Projeto 12:30 em dac.ufsc.br ou nas redes sociais (@projeto1230.ufsc)

Texto: Victor Goulart Righetto, bolsista do DAC/SeCArte/UFSC, com informações do artista.

Mar
14
Thu
Caminhada | Rota de Arte na UFSC @Igrejinha da UFSC
Mar 14@9:30 – 11:30

A proposta da Rota de Arte na UFSC é realizar uma caminhada em grupo por diversos espaços do campus universitário para apresentar e apreciar as inúmeras obras de arte localizadas em seus meandros. Ao destacar os contextos e significados dessas obras, os participantes são instigados a lançarem um olhar atento, crítico e sensível para o espaço ao longo do percurso. A ação será realizada no dia 14 de março, quinta-feira, em dois períodos: das 09h30 às 11h30 e das 16h às 18h.

O roteiro da caminhada inicia na Igrejinha da UFSC e segue por galerias, espaços culturais, praças, museus, pinturas, mosaicos, murais, bustos e esculturas de autoria de grandes artistas do cenário catarinense, tais como Franklin Cascaes, Rodrigo de Haro, Idésio Leal, dentre outros.

>> Atividades & tempo de Percurso

O tempo total de duração da atividade é de duas horas, sendo, aproximadamente, uma hora e meia de caminhada em ritmo de passeio, mais meia hora para um lanche coletivo e o desenvolvimento de uma atividade artística, criativa e crítico-reflexiva.

Nesse momento os participantes têm a oportunidade de refletir, registrar, avaliar e expressar artisticamente suas impressões sobre o observado, bem como, criar suas próprias obras de arte com materiais disponibilizados pela equipe do Departamento de Esporte, Cultura e Lazer (DECL).

>> Inscrições

Os interessados deverão encaminhar uma mensagem de solicitação para o e-mail nimpe.ufsc@gmail.com e informar o nome completo e horário de interesse.

O projeto Rota de Arte na UFSC é uma ação desenvolvida pelo Departamento de Esportes, Cultura e Lazer (DECL), vinculado à Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE), e integra a programação das atividades de recepção e acolhimento dos estudantes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

>> Serviço

O quê: Caminhada – Rota de Arte na UFSC
Quando: 14/03/2024 | quinta-feira | das 09h30 às 11h30
Onde: Ponto de encontro na Igrejinha da UFSC | Rua Desembargador Vítor Lima, 117 – Trindade, Florianópolis – SC
Inscrições: no e-mail nimpe.ufsc@gmail.com | informar o nome completo e horário de interesse
Quanto:
atividade gratuita e aberta para toda comunidade
Informações: Departamento de Esporte, Cultura e Lazer – DECL 

Monólogo | Conta Catarina @Teatro Carmen Fossari
Mar 14@15:00 – 17:00

A artista Adriana Rio apresenta nesta quinta-feira, 14 de março, às 15 e às 19h, no Teatro Carmen Fossari, o monólogo Conta Catarina. O espetáculo é uma obra cênica autoral de palhaçaria, que aborda a temática da cultura da violência com humor, afim de indicar caminhos de superação. A apresentação é gratuita e aberta à comunidade com entrada liberada por ordem de chegada uma hora antes do inicio das sessões, a classificação indicativa é de 14 anos.

>> Sobro o espetáculo

Uma aula espetáculo cênico-autoral de narração de histórias, a atriz, a partir das suas experiências de professora, pesquisadora e palhaça,  compartilha com o público um percurso poético de pesquisa e criação em busca da cultura da infância e o estarrecedor encontro com a cultura da violência.

Para Adriana Rio a o espetáculo tem o intuito de contribuir na visibilidade da temática densa e dolorosa da violência contra às mulheres, buscando com descontração, comicidade e alegria, na experiência do contar trazer junto ao público a importância de ver, desconstruir, debater, problematizar e transformar a cultura da violência = cultura patriarcal, um desafio de luta e cura coletiva, responsabilidade de todes nós!!!!

>> Sobre Adriana Rio

Atriz Adriana Rio em cena durante o espetáculo. Foto: Robson Ribeiro/Secom/UFSC

Professora, pesquisadora que atua na formação de professoras na educação básica, desde 2013 vem desenvolvendo a performance dos Sapatinhos Vermelhos, livremente inspirada no trabalho artístico Sapatos Rojos (México, Elina Chauvet, 2009) e desde 2018 vem incorporando as artes da palhaçaria como referências para o trabalho poético e político no combate à violência contra às mulheres.

A apresentação é uma realização da Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE) e do Departamento Artístico Cultural (DAC) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

>> Serviço

Quanto: evento gratuito, com entrada liberada por ordem de chegada uma hora antes do inicio das sessões
Duração: 60 min – com debate posterior
Classificação: 14 anos

Ficha Técnica:

Atriz/contadora de história: Adriana Rio
Direção: Vanderleia Will – Cia Pé de Vento Teatro
Figurino: Esha Prem – Costureira: Rosa de Assis Marques
Trilha sonora/composição musical: Renata Oliveira
Identidade Visual: Daniel Olivetto
Iluminação: Felipe Thaça

Caminhada | Rota de Arte na UFSC @Igrejinha da UFSC
Mar 14@16:00 – 18:00

A proposta da Rota de Arte na UFSC é realizar uma caminhada em grupo por diversos espaços do campus universitário para apresentar e apreciar as inúmeras obras de arte localizadas em seus meandros. Ao destacar os contextos e significados dessas obras, os participantes são instigados a lançarem um olhar atento, crítico e sensível para o espaço ao longo do percurso. A ação será realizada no dia 14 de março, quinta-feira, em dois períodos: das 09h30 às 11h30 e das 16h às 18h.

O roteiro da caminhada inicia na Igrejinha da UFSC e segue por galerias, espaços culturais, praças, museus, pinturas, mosaicos, murais, bustos e esculturas de autoria de grandes artistas do cenário catarinense, tais como Franklin Cascaes, Rodrigo de Haro, Idésio Leal, dentre outros.

>> Atividades & tempo de Percurso

O tempo total de duração da atividade é de duas horas, sendo, aproximadamente, uma hora e meia de caminhada em ritmo de passeio, mais meia hora para um lanche coletivo e o desenvolvimento de uma atividade artística, criativa e crítico-reflexiva.

Nesse momento os participantes têm a oportunidade de refletir, registrar, avaliar e expressar artisticamente suas impressões sobre o observado, bem como, criar suas próprias obras de arte com materiais disponibilizados pela equipe do Departamento de Esporte, Cultura e Lazer (DECL).

>> Inscrições

Os interessados deverão encaminhar uma mensagem de solicitação para o e-mail nimpe.ufsc@gmail.com e informar o nome completo e horário de interesse.

O projeto Rota de Arte na UFSC é uma ação desenvolvida pelo Departamento de Esportes, Cultura e Lazer (DECL), vinculado à Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE), e integra a programação das atividades de recepção e acolhimento dos estudantes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

>> Serviço

O quê: Caminhada – Rota de Arte na UFSC
Quando: 14/03/2024 | quinta-feira | das 16h às 18h
Onde: Ponto de encontro na Igrejinha da UFSC | Rua Desembargador Vítor Lima, 117 – Trindade, Florianópolis – SC
Inscrições: no e-mail nimpe.ufsc@gmail.com | informar o nome completo e horário de interesse
Quanto:
atividade gratuita e aberta para toda comunidade
Informações: Departamento de Esporte, Cultura e Lazer – DECL 

Monólogo | Conta Catarina @Teatro Carmen Fossari
Mar 14@19:00 – 21:00

A artista Adriana Rio apresenta nesta quinta-feira, 14 de março, às 15 e às 19h, no Teatro Carmen Fossari, o monólogo Conta Catarina. O espetáculo é uma obra cênica autoral de palhaçaria, que aborda a temática da cultura da violência com humor, afim de indicar caminhos de superação. A apresentação é gratuita e aberta à comunidade com entrada liberada por ordem de chegada uma hora antes do inicio das sessões, a classificação indicativa é de 14 anos.

>> Sobro o espetáculo

Uma aula espetáculo cênico-autoral de narração de histórias, a atriz, a partir das suas experiências de professora, pesquisadora e palhaça,  compartilha com o público um percurso poético de pesquisa e criação em busca da cultura da infância e o estarrecedor encontro com a cultura da violência.

Para Adriana Rio a o espetáculo tem o intuito de contribuir na visibilidade da temática densa e dolorosa da violência contra às mulheres, buscando com descontração, comicidade e alegria, na experiência do contar trazer junto ao público a importância de ver, desconstruir, debater, problematizar e transformar a cultura da violência = cultura patriarcal, um desafio de luta e cura coletiva, responsabilidade de todes nós!!!!

>> Sobre Adriana Rio

Atriz Adriana Rio em cena durante o espetáculo. Foto: Robson Ribeiro/Secom/UFSC

Professora, pesquisadora que atua na formação de professoras na educação básica, desde 2013 vem desenvolvendo a performance dos Sapatinhos Vermelhos, livremente inspirada no trabalho artístico Sapatos Rojos (México, Elina Chauvet, 2009) e desde 2018 vem incorporando as artes da palhaçaria como referências para o trabalho poético e político no combate à violência contra às mulheres.

A apresentação é uma realização da Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE) e do Departamento Artístico Cultural (DAC) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

>> Serviço

Quanto: evento gratuito, com entrada liberada por ordem de chegada uma hora antes do inicio das sessões
Duração: 60 min – com debate posterior
Classificação: 14 anos

Ficha Técnica:

Atriz/contadora de história: Adriana Rio
Direção: Vanderleia Will – Cia Pé de Vento Teatro
Figurino: Esha Prem – Costureira: Rosa de Assis Marques
Trilha sonora/composição musical: Renata Oliveira
Identidade Visual: Daniel Olivetto
Iluminação: Felipe Thaça

Mar
15
Fri
Inscrições | Projeto de Extensão e Pesquisa em Dança “Compondo gestos: compartilhando experiências”
Mar 15@8:00 – Mar 23@18:00

O Projeto de Extensão e Pesquisa em Dança Compondo gestos: compartilhando experiências, ação do Departamento de Artes (ART), em parceria com a Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), oferece aulas de dança para adultos.

A atividade objetiva conhecer técnicas corporais que proporcionem o desenvolvimento da consciência, percepção e organização corporal. Promover a ação investigativa do movimento possibilitando o autoconhecimento, o cuidado de si e a autonomia na experiência do corpo presente além de vivenciar a dança a partir da escuta do corpo, articulando improvisação e estudos coreográficos.

As aulas serão realizadas na sala 208, no bloco D do Centro de Comunicação e Expressão (CCE), nas instalações do Departamento de Artes, uma vez por semana, todas as terças-feiras, das 15h às 16h30min. Não é necessário ter experiência em dança.

O Projeto contará com um segundo horário, visando o estudo da presença cênica com aprofundamento nos jogos cênicos e composição coreográfica. A consolidação do segundo momento, das 16h30min às 17h10min, busca oferecer um espaço para a pesquisa dos tópicos de trabalho da Técnica Klauss Vianna com ênfase no corpo cênico.  A participação no segundo horário não é obrigatória.

As vagas são limitadas e os interessados devem preencher o formulário de inscrição para participar. Após a inscrição, os participantes receberão um e-mail de confirmação. As inscrições estão disponíveis até 23 de março. O início das aulas será no dia 02 de abril, as aulas são gratuitas e abertas para toda comunidade.

>> Serviço

O quê: inscrições – Compondo gestos: compartilhando experiências
Quando: até 23/03/2024
Quanto: aulas gratuitas e abertas para toda comunidade
Inscrições: no formulário digital | vagas limitadas
Informações: compondogestos.art.ufsc@gmail.com | instagram.com/compondogestos

Ingressos cortesia | Ivan Lins e Camerata Florianópolis @Secretaria de Cultura, Arte e Esporte - SeCArtE
Mar 15@9:00 – 14:00

Foto: Reprodução, Rodrigo Simas e Tóia Oliveira

A Secretaria de Cultura, Arte e Esporte (SeCArtE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), comunica que serão disponibilizados na sexta-feira, 15 de março, a partir das 9h, na SeCArtE, fundos do Centro de Cultura e Eventos, 100 (cem) ingressos cortesia para estudantes da UFSC, referente ao espetáculo musical Ivan Lins e Camerata Florianópolis. A apresentação está prevista para ocorrer no dia 16 de março, sábado, às 20h no Auditório Garapuvu do Centro de Cultura e Eventos – Reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo.

Os ingressos serão concedidos mediante entrega do atestado de matrícula impresso e atualizado (1º semestre/2024), constando que o aluno está regularmente matriculado e apresentação de documento oficial com foto. Serão disponibilizados 100 (cem) ingressos. As entradas serão distribuídas por ordem de chegada. Cada estudante tem direito a retirar 1 (um) ingresso. Não será permitida a retirada de ingresso com documentação de terceiros.

Os shows pagos não são produzidos pela UFSC, havendo apenas a cobrança do aluguel referente ao espaço. A contrapartida para a UFSC se dá pela liberação dos 100 (cem) ingressos aos estudantes e da integralidade do valor do aluguel do auditório que vem a ser utilizado em projetos culturais e manutenção do Centro de Cultura e Eventos, conforme consta no Edital nº002/SECARTE/2024 – Espaço Vivo.

>> Serviço

O quê: distribuição de 100 ingressos cortesia Ivan Lins e Camerata Florianópolis
Quando: 15/03/2024 | sexta-feira | 9h – por ordem de chegada
Onde: Secretaria de Cultura, Arte e Esporte – SeCArtE  | fundos do Centro de Cultura e Eventos da UFSC
Informações: Secretaria de Cultura, Arte e Esporte – SeCArtE  | (48) 3721-2376

Mar
22
Fri
CineBuñuel | Buena Vista Social Club @Sala de projeções - Laboratório de Estudos de cinema - LEC - Bloco D | CCE
Mar 22@19:00 – 21:00

O Projeto CineBuñuel inicia os encontros deste ano no dia 22 de março, sexta-feira, com a apresentação do documentário Buena Vista Social Club (1999), do diretor Wim Wenders. A exibição acontece às 19h, na Sala de projeção do Laboratório de Estudos de Cinema (LEC), no primeiro andar do Bloco D do Centro de Comunicação e Expressão (CCE). O cineclube tem como proposta a mostra de filmes hispânicos e latino-americanos com entrada gratuita e aberta ao público e à comunidade universitária, e conta com um novo ciclo este ano chamado Qué viva la música!, com uma programação que traz à cena e ao debate a vida musical dos países latino-americanos e hispânicos.

> Sobre o filme

O “Buena Vista Social Club” é um projeto encabeçado pelo guitarrista, compositor e produtor estadunidense Ry Cooder, e pelo músico, produtor e ator cubano Juan de Marcos González, que reuniu um grupo de artistas cubanos para a gravação de um disco de mesmo nome em 1996. O documentário, que é homônimo ao título do conjunto. é realizado pelo cineasta alemão Wim Wenders, diretor do filme Paris, Texas e co-diretor do mais recente Dias Perfeitos, e acompanha as apresentações da banda, cenas de estúdio e a história de cada um dos participantes. O encontro junta músicos talentosos como Ibrahim Ferrer, Rubén González e Compay Segundo que até aquele ano estavam esquecidos do grande público, e torna-se um registro importante para a história da música cubana. O álbum vendeu mais de um milhão de cópias e ganhou o mais importante prêmio da música nos Estados Unidos, o Grammy, do ano de 1998.

O filme do projeto é uma coprodução da AlemanhaReino UnidoEstados UnidosCubaBrasilEspanha e França e foi indicado ao Oscar de Melhor Documentário em 2000, ganhou o Grande Prêmio do Cinema Brasil de 2001 como melhor filme estrangeiro e o BAFTA de 2000 de melhor música.

>> Sobre o projeto

O CineBuñuel é um projeto de extensão aberto ao público em geral, que propõe difundir o cinema hispânico e latino-americano e fazer dele um ponto de partida para debates relacionados com língua, cultura, ética e história dessas comunidades. Retornou às atividades após a pandemia no ano passado e contou com a exibição do ciclo “Trabalho e Tormento”, que trouxe filmes como “Tempo de Revanche” (1981), “O Bom Patrão” (2021) e “A Dupla Jornada” (1975). A última projeção realizada no ano passado exibiu o filme “Sueño Florianópolis” (2018) como parte do ciclo “Entre Nós”, cuja temática tratou das relações e conflitos familiares.

>> Serviço

O quê: Cine Buñuel apresenta o documentário Buena Vista Social Club
Quando: 22/03/2024 | sexta-feira | 19h
Onde: Sala de projeção | Laboratório de Estudos de Cinema  – LEC | primeiro andar | Bloco D | Centro de Comunicação e Expressão  – CCE
Quanto: entrada gratuita e aberta ao público e à comunidade universitária 
Informações: Facebook | Instagram | projetocinebunuel@gmail.com

Jun
5
Wed
X Seminário de Literatura Infantil e Juvenil | X SLIJ @Centro de Cultura e Eventos da UFSC
Jun 5@8:00 – Jun 7@18:00

O X Seminário de Literatura Infantil e Juvenil (X SLIJ) e do VII Seminário Internacional de Literatura Infantil e Juvenil e Práticas de Mediação Literária (VII SELIPRAM): Viver espaços e tempos de mediação acontecerá na Universidade Federal de Santa Catarina, no campus da Trindade, Florianópolis, no período de 05 a 07 de junho de 2024, congregando pesquisadores envolvidos com o estudo da leitura, das práticas educativas construídas em diálogo com a literatura infantil e juvenil e formação do leitor literário.

O evento é organizado pelo LITERALISE – Grupo de Pesquisa em Literatura Infanil e Juvenil e Práticas de Mediação Literária (UFSC/CNPq), com envolvimento do Grupo de Estudos e Pesquisas Infância, Literatura e Educação (GEPILEd/UFSC), Núcleo de Estudos e Pesquisa em Alfabetização e Ensino da Língua Portuguesa (NEPALP/UFSC), e do Programa de Educação Tutorial (PET) Pedagogia/UFSC. Conta com o apoio institucional dos Programas de Pós-Graduação em Educação (PPGE/UFSC) e Programas de Pós-Graduação em Estudos da Tradução (PPGET/UFSC), grupos de pesquisa e projetos de extensão da UFSC, UDESC, Faculdade Municipal de Palhoça e o com o apoio de editoras locais e nacionais.

Objetivos

Objetivo Geral

Congregar professores de Educação Básica, em formação continuada e inicial, bem como pesquisadores brasileiros e estrangeiros envolvidos em pesquisas sobre literatura infantil e juvenil, em particular aqueles cujas investigações relacionam-se à produção literária para crianças e jovens, às práticas educativas construídas em diálogo com a literatura infantil e juvenil em às práticas de mediação da leitura literária.

Objetivos Específicos

  • Fomentar a cultura, produção científica e artística no campo da literatura infantil e juvenil na UFSC e na comunidade externa a ela, por meio de um evento de visibilidade internacional.
  • Propiciar a reflexão e a análise de questões teórico-práticas e aplicadas relacionadas à pesquisa em literatura infantil e juvenil.
  • Possibilitar a divulgação de estudos teóricos e de práticas que possam contribuir para releituras com diferentes enfoques e abordagens postos sobre esse objeto de pesquisa.
  • Aproximar o professor-leitor de escritores e suas respectivas produções literárias para ampliação de conhecimentos sobre a literatura infantil e juvenil.
Sep
23
Mon
Experimenta | 9ª Edição
Sep 23@8:00 – Sep 27@18:00
Oct
14
Mon
II Festival Literário da UFSC | FLUFSC
Oct 14@8:00 – Oct 16@18:00