SeCArte
  • Cineclube Rogério Sganzerla exibe “Uma Mulher Fantástica” na terça-feira, dia 12/06

    Publicado em 08/06/2018 às 14:16

    O Cineclube Rogério Sganzerla exibe nesta terça-feira, 12 de junho, às 19h no auditório Henrique Fontes, do CCE, o filme “Uma Mulher Fantástica” de  Sebatián Lelio. A obra é o segundo filme da Mostra Queer, que será exibida durante o mês junho e início de julho.

    Sinopse

    Marina é uma garçonete transexual que ocupa seus dias trabalhando como garçonete e ao canto de música lírica. Seu sonho é ser uma cantora lírica de sucesso com isso ela se apresenta nos clubes noturnos da cidade. Quando seu parceiro morre, ela se vê diante da raiva e do preconceito da família dele sem ter o direito de se despedir de seu amado.

    Sobre o projeto

    O Cineclube Rogério Sganzerla convida a todxs para participar das exibições e da conversa após as sessões que acontecem semanalmente às terças-feiras no Auditório Henrique Fontes (CCE – Bloco B, Campus Trindade, UFSC), às 19 horas. O CRS surgiu da urgência sentida pelos alunos do então recém-criado Curso de Cinema da UFSC (2005) em discutir de forma mais sistemática, através da exibição de filmes e em seguida com um debate, questões ligadas à história e teoria do cinema dentro da comunidade universitária e local. Atualmente o projeto conta com o apoio da equipe do Cine Paredão e é uma realização da Pró-Reitoria de Extensão (PROEX), Secretaria de Cultura e Arte (SECARTE), Centro de Comunicação e Expressão (CCE) e do Curso de Cinema.
    Continue a leitura » »


  • Ciclo de Cinema Africano – LEHAf exibe o filme ‘O Preço do Perdão’

    Publicado em 08/06/2018 às 12:00

    O Laboratório de Estudos em História da África (LEHAf) apresenta o filme O preço do perdão (Senegal, 2001), de Mansour Sora Wade, o evento ocorrerá na terça-feira dia 12 de junho às 19:00 na Sala de Projeção do Curso de Cinema da UFSC, localizada no primeiro andar do Bloco D do Centro de Comunicação e Expressão (CCE).

    O evento é aberto à comunidade e após a sessão haverá um debate com o público mediado pelo coordenador do LEHAf, o professor Doutor Sílvio Marcus de Souza Correa. O Ciclo de Cinema tem exibições mensais e segue um roteiro geográfico pelo continente africano. O filme de maio é uma produção do Senegal.

    Sinopse

    História mítica, baseada na tradição oral, sobre uma vila de pescadores na costa sul do Senegal. Um espesso nevoeiro cobre há vários dias a aldeia e impede as pirogas de entrar no mar. O velho religioso da aldeia está moribundo e não pode executar os ritos. Dois homens da vila se apaixonam pela mesma bela garota.
    Continue a leitura » »


  • Seguem abertas inscrições para uso do Espaço Expositivo do Centro de Cultura e Eventos da UFSC

    Publicado em 08/06/2018 às 11:37

    As solicitações para o uso do Espaço Expositivo “CCEven”, localizado no piso térreo do Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Santa Catarina seguem abertas.  O edital permanente do Departamento de Cultura e Eventos (DCEven) da Secretaria de Cultura e Arte da UFSC (SeCArte) para o uso do Espaço Vivo 2018 é destinado a seleção de projetos para exposições de curta duração, 30 dias no máximo.

    Serão aceitos propostas de discentes, servidores técnico-administrativos, servidores docentes e comunidade externa a UFSC que apresentem projetos de exposições de artes plásticas bidimensionais, pinturas, gravuras, fotografias entre outros.

    As inscrições são gratuitas e estão disponíveis até o final do ano de 2018 ou até encerrar o número de inscrições validadas, conforme calendário de exposições.

    Acesso o aqui o edital.
    Continue a leitura » »


  • Graduandos de Artes Cênicas lançam nova edição do jornal online ‘Viva Dell’arte’

    Publicado em 07/06/2018 às 11:16

    Os estudantes da terceira fase do curso de graduação em Artes Cênicas da UFSC lançaram uma nova edição do jornal online Viva Dell’arte. A versão atual é dedicada à dança e traz uma entrevista com Antônio Nóbrega, que realizou uma aula-espetáculo na universidade no dia 8 de maio durante a abertura da 4ª Semana da Dança UFSC.

    O Viva Dell’arte é um jornal digital destinado à publicação de matérias que abordem temas relativos ao curso, além de divulgar espetáculos dentro e fora da UFSC. Os 35 acadêmicos que iniciam o projeto buscam, com o Viva Dell’arte, estreitar o diálogo entre graduandos e a comunidade universitária em geral.

    O jornal está acessível aqui.


  • Cinema do CIC exibe a Mostra Eduardo Nunes nos dias 07,08 e 09 de Junho

    Publicado em 06/06/2018 às 16:13

    O cinema do CIC exibe, em parceria com Cine Paredão, Cineclube Rogério Sganzerla e Cineclube Cinema da Unisul, a Mostra Eduardo Nunes. A mostra contará com dois longas, sendo um deles pré-estreia com a presença de Eduardo, e um workshop, ministrado por ele, de direção cinematográfica. As atividades ocorrerão sempre no Cinema do CIC.

    Eduardo Nunes nasceu em 1969 na cidade de Niterói. Estudou Cinema da UFF. Em 1994 dirigiu seu primeiro curta: SOPRO; seguiram-se outros quatro filmes, que – juntos – receberam mais de 50 prêmios. Entre 1999 e 2014, dirigiu diversos documentários para a TV. Foi professor de cinema em diversas instituições, e ministrou, durante 6 anos, a oficina de roteiros na Universitat Salzburg (Áustria). Em 2012, realiza SUDOESTE, seu primeiro longa-metragem, exibido em 27 países e vencedor de 23 prêmios internacionais (incluindo dois Fipresci e o prêmio Andrei Tarkovski). Em 2017, realizou seu segundo longa-metragem, UNICÓRNIO, adaptado da obra de Hilda Hilst. Este filme teve sua premiere internacional em fevereiro de 2018 no 68º Festival de Cinema de Berlim (Berlinale), e já foi exibido e premiado em vários festivais internacionais.

    Continue a leitura » »


  • Café com Dança recebe o bailarino Tuca Pinheiro nesta sexta, 08/06

    Publicado em 06/06/2018 às 16:13

    O ciclo de palestras e debates Café com Dança recebe nesta sexta-feira, 08 de junho, às 18h30 na Caixa Preta, o bailarino, diretor coreográfico, criador, professor e pesquisador em dança Tuca Pinheiro. O artista se propõe a compartilhar a pesquisa que vem desenvolvendo desde 2013 com o objetivo de investigar novos dispositivos que auxiliem o bailarino intérprete/criador em seus processos de criação/composição coreográfica em dança contemporânea. Tuca Pinheiro parte do que ele denomina “esburacamento” dos repertórios de movimentos, dos arquivos e dos códigos individuais já existentes. Esburacamento enquanto conceito de possibilidade de abrir frestas e deixar que ideias outras circulem. A instabilidade é assumida como suporte para a investigação em um entendimento de criação artística enquanto uma prática não assertiva.

    Além da participação no Café com Dança, Tuca Pinheiro ministrará nesta sexta e sábado, das 13h às 17h, a oficina “A urgência da ineficiência”. A atividade gratuita faz parte da programação do projeto “Ensaio para Algo que não Sabemos“, de autoria das bailarinas Daniela Alves e Karina Collaço. As inscrições acontecem até terça 5 e podem ser feitas por e-mail ensaioparaalgo@gmail.com, com breve currículo e carta de intenção. A oficina disponibiliza 25 vagas voltadas para bailarina(o)s, artistas e interessada(o)s na arte do movimento. 
    Continue a leitura » »


  • Café Cinematográfico apresenta “As Vantagens de ser Invisível” na sexta-feira, 08/06

    Publicado em 06/06/2018 às 16:05

    Se você fosse escolher uma metáfora para representar a imagem da Adolescência, qual escolheria? Em qual linguagem? Seria uma música? Um filme? Um livro?

    Os alunos confrades do 9º ano e a profa Arlyse Ditter junto à psicóloga Juliana Lopes e seus estagiários, Roberta Madruga e André Lopes, do Colégio de Aplicação escolheram o filme “As Vantagens de Ser Invisível” para discutir e refletir sobre as questões que envolvem o tema adolescência: dúvidas, curiosidades, angústias e toda a transição da infância para a vida adulta que o adolescente vive.
    Continue a leitura » »


  • Projeto Cinema Mundo realiza exibição comentada do filme “Blade Runner” na quinta-feira (07/06)

    Publicado em 06/06/2018 às 16:03

    Dando seguimento a temática de filmes distópicos do Projeto Cinema Mundo para esse semestre, o próximo filme a ser exibido é “Blade Runner” (1982, Estados Unidos/Hong Kong), dirigido por Ridley Scott e baseado na obra “Androides sonham com velhas elétricas?” de Philip K. Dick. A sessão, com entrada franca, acontecerá na quinta feira do dia 07/06 às 18h30 no Auditório Elke Hering, na Biblioteca Universitária da UFSC, e contará com os comentários de Sandro Livramento e Rafaella Machado.
    Continue a leitura » »


  • 3º Colóquio Internacional FITA: teatro de sombras e de objetos, de 11 a 14/6

    Publicado em 06/06/2018 às 9:42

    O 3º Colóquio Internacional FITA acontecerá de 11 a 14 de junho em Florianópolis. A programação é composta por espetáculos e um cronograma de atividades formativas, que compreendem palestras, mesas de conversa, sessões de comunicação com publicação de anais e oficinas. O evento é dedicado à área do Teatro de Animação e tem como propósito disseminar as técnicas e pesquisas realizadas na temática, reforçando a discussão e o aprendizado de elementos que compõem o universo desta linguagem teatral.

    Nesta terceira edição, o Colóquio adota como proposta temática “O Teatro de Sombras e o Teatro de Objetos” e tem como foco potencializar o espaço de troca de conhecimentos, proporcionando o intercâmbio entre artistas, pesquisadores, comunidade acadêmica e comunidade em geral.

    Cinco companhias teatrais da Espanha, França e Brasil participam de dez apresentações artísticas que exploram às sombras e os objetos. Além disso, os artistas e pesquisadores também dividirão seus processos em mesas de conversas que acontecem durante os quatro dias do Colóquio. Soma-se ainda às atividades, oficinas e palestras com importantes teóricos da área, como a diretora Sandra Vargas (Grupo Sobrevento/SP) e os professores doutores Felisberto Sabino da Costa (ECA – USP/SP), Gilson Moraes (UFRJ), Fabiana Lazzari e Valmor Nini Beltrame (UDESC).
    Continue a leitura » »


  • Exposição Exprimível do vazio – Fragmentos, de Juliana Hoffmann no Centro de Cultura Eventos

    Publicado em 05/06/2018 às 16:31

    O Espaço Expositivo do Centro de Cultura e Eventos da UFSC  recebe a partir desta semana a exposição “Exprimível do Vazio – Fragmentos” da artista Juliana Hoffmann. As obras permanecem em exibição  até o dia 29/06  de 2ª a 6ª feira, das 08h às 20h.

    Sobre as obras

    As obras de Juliana Hoffmann estão envoltas pela memória, em um movimento de repetição e diferenciação, por onde as imagens retornam, modificam-se e ressignificam-se em cada composição. Nesse atravessamento, a artista vem construindo, ao longo de sua trajetória, obras que partem do repertório do vivido.

    Em sua nova exposição, Exprimível do vazio, Juliana foge das telas, pinturas, fotografias e imagens postas, para transitar entre composições que partem de livros corroídos e transformados pelo tempo. Continua a trabalhar com a reminiscência, mas por nova materialidade carregada de intervalos-vazios como marca.

    Por trás dessa nova série, percebe-se a base literária da infância, que permeia a vida da artista. Juliana traz essa informação que ficava lá, oculta em seu passado, como referência para construir novas obras-paisagens-retratos-ficções, que estão presentes na série. Os personagens desse enredo diluem-se em palavras e lacunas, a língua inglesa, que se tornou marca para a família, como profissão dos pais, irmãs e da artista; em sua vivência diária entre a língua estrangeira e a natal, estas entrelaçam essa nova série que reverbera novas estratégias para falar, ou calar, aquilo que retorna como um sempre outro.
    Continue a leitura » »