Formação Fanca do Fórum Permanente de Estudos sobre as Artes Negras da Cena, História e Cultura Africana e Afro-Brasileira na UFSC

13/09/2018 11:37
When:
17 de setembro de 2018 @ 10:00 – 19:00
2018-09-17T10:00:00-03:00
2018-09-17T19:00:00-03:00
Where:
R. Eng. Agronômico Andrei Cristian Ferreira
s/n - Trindade, Florianópolis - SC, 88040-900
Brasil
Cost:
Free

O Fórum Permanente de Estudos sobre as Artes Negras da Cena, História e Cultura Africana e Afro-Brasileira (Fanca) promove no dia 17 de setembro, segunda-feira, a primeira edição do  Formação Fanca, com o tema “Frantz Fanon, a estética e a racialização: a educação para as relações étnico-raciais em questão”. O evento será realizado conta com a participação do pesquisador Deivison Faustino, da Universidade Federal de São Paulo.

A atividade é gratuita e aberta a toda comunidade e a inscrição é feita no endereço http://inscricoes.ufsc.br/fancafrantzfanon. Entre os objetivos, está a discussão sobre as influências do colonialismo sobre as representações de brancos e negros na modernidade.

Sobre o Pesquisador

Deivison Faustino é graduado em Ciências Sociais pelo Centro Universitário Santo André (2005); mestre em Ciências da Saúde/ Epidemiologia pela Faculdade de Medicina do ABC (2010) e doutor em Sociologia pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFSCAR (2015). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal de São Paulo – Campus Baixada Santista e integrante dos grupos de pesquisa Laboratório Interdisciplinar Ciências Humanas, Sociais e Saúde; e Reflexos de Palmares. Foi bolsista PDSE junto ao Department of Philosophy (University of Connecticut, UConn, 2014-2015) e recebeu, em 2016, a Menção Honrosa do Prêmio Capes de Tese na área de Sociologia. Atualmente dedica-se à pesquisa, ensino e extensão voltados aos temas intelectuais negros, racismo e racismo institucional, saúde da população negra, educação das relações étnico-raciais e africanidades.

Programação

10h às 13h – Os desafios para a aplicação das Diretrizes Curriculares Para a Educação das Relações Étnico-Raciais
Local: Auditório da Arquitetura – UFSC

14h às 17h – Frantz Fanon e a racialização do olhar
Local: Sala 205 do Espaço Físico Integrado (EFI) – UFSC

17h –  Lançamento do livro: “Frantz Fanon: um revolucionário, particularmente negro”
Local: Sala 205 do Espaço Físico Integrado (EFI) – UFSC

Mais informações pelo e-mail: 

Sobre o Fórum

O Fórum Permanente de Estudos sobre as Artes Negras da Cena, História e Cultura Africana e Afro-Brasileira visa estabelecer um fórum permanente de estudos acerca dessas práticas e saberes, incluindo as relações raciais e étnico-raciais, através de atividades formativas. Trata-se de conhecer, reconhecer, retomar, fomentar e endossar a cultura e arte africanas e afro-brasileiras, sobretudo àquelas que dizem respeito às Artes Negras da Cena em um sentido amplo: como as performances e outras artes dos corpos negros, a dramaturgia, a atuação, a performance arte, a encenação, alegoria, conhecimentos dos sagrados, manifestações culturais tradicionais e contemporâneas, dentre outras.  Além disso, dentro do âmbito do curso, é proposta do Fórum, e de seus ciclos de formação, dar suporte tanto para a criação de uma disciplina obrigatória de Artes Negras da Cena e Relações Étnico-raciais quanto para a inserção de conteúdos que transpassem todo o currículo, articulando as epistemologias dessa área com as nele já estabelecidas. Disciplina obrigatória, demandada por reivindicação do Coletivo Kurima de acordo com a lei 10.639-03, e consensuada em Assembleia Geral do Curso de Artes Cênicas com a presença de professores, estudantes e STAEs. Destas reivindicações e demandas urgentes surge a importância, a idealização e o encaminhamento da criação do FANCA, concretizado na parceria entre Coletivo Kurima e Kurima Bantu Mulheres Mudenpodiro, Coletivo Vozes de Zambi e a coordenação do curso de Artes Cênicas.

Ficha Técnica

Coordenação Geral: Priscila Genara Padilha, Roberta Lira e Débora Zamarioli
Coordenação Pedagógica em Artes Negras da Cena: Roberta Lira
Produção: Amanda Duarte, Cássio Spósito e Eduardo Gonçalves
Realização: Coordenação de Artes Cênicas, FANCA, Coletivo Kurima – Estudantes Negras e Negros da UFSC,  Coletivo Vozes de Zambi e Kurima Bantu Mulheres Mudenpodiro
Apoio: UFSC, SECARTE/ Edital Pró- Cultura